E beijei tuas mãos

Porque hoje é sábado
parei a pensar o que hoje pensei.
E beijei tuas mãos.

Dia mãe 2018

 

Mãe

Amo
cada uma das tuas duas mãos.

São essas duas mãos
que cumprem
cada hora
o entender do coração
e o comando do pensar.

Porque são elas que me tocam
numa carícia,
que não sei
como aqui te vou contar.

Porque são elas
que me conchegam
quando sofro,
acenam-me um adeus
sempre que parto,
me  abraçam quando chego,
me curam a ferida
do último  trambolhão.

Porque são as carícias
dessas duas mãos abençoadas
que me contam histórias
sem palavras
que só eu e tu
sabemos entender.

Porque é o perfume
dessas duas mãos deliciosas
que me fazem entender
que estou a chegar perto de ti.

Porque o sabor
das rabanadas que comi
no último Natal
preparadas com as carícias
das tuas duas mãos
como souberam
a um maná de leite e mel,
e quanto mais doce
tornou meu coração.

E beijo, neste dia,
cada uma
das tuas duas mãos,
que cumprem cada hora
o entender do coração e
o comando do pensar.

Bem ajas,
minha Mãe,
meu Amor.

 

 

 

This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>