Monthly Archives: May 2018

Sonho meu

  Sonho meu Eu tenho um sonho, amigo que compões. Servir de alvo à tua flecha musicada que acerta em cheio o coração das frases soltas, ocas, sem senso nem sentido que vou escrevinhando por aí. Sonho notas agudas a … Continue reading

Posted in Poêmus | Leave a comment

E beijei tuas mãos

Porque hoje é sábado parei a pensar o que hoje pensei. E beijei tuas mãos.   Mãe Amo cada uma das tuas duas mãos. São essas duas mãos que cumprem cada hora o entender do coração e o comando do … Continue reading

Posted in Uncategorized | Leave a comment