Monthly Archives: May 2011

Pensar pleno

Porque hoje é sábado parei a pensar o que hoje pensei. E pensei pleno. Em “A Queda” , Albert Camus afirmava: Só a morte desperta os nossos sentimentos. Não amaremos talvez insuficientemente a vida? Já notou que só a morte … Continue reading

Posted in Parar para pensar porque hoje é sábado | 3 Comments

Pedra sobre pedra

Porque hoje é sábado, parei a pensar o que hoje pensei. E pensei longe. Já te aconteceu? Leres um texto que parece mesmo ter sido escrito para ti?   Olha que a mim também. Paloma Sanchez-Garnica descreve em A Alma … Continue reading

Posted in Parar para pensar porque hoje é sábado | 7 Comments

Tempo restante

Porque hoje é sábado parei a pensar o que hoje pensei. E pensei alto. Em tempos, julguei que a dor comandava a tristeza, o medo o pavor, a arte a beleza, o sonho o amor. O tempo ensinou-me que é … Continue reading

Posted in Uncategorized | 5 Comments

Em busca do infinito

Porque hoje é sábado parei a pensar o que hoje pensei.   Três reflexões que encontrei na busca do infinito: Morreu a luz, pulverizando a fraga, Morreu a poeira, alimentando a seara; Morreu a seara, que gerou o trigo; Morreu … Continue reading

Posted in Parar para pensar porque hoje é sábado | Leave a comment