Sem mais. Tal qual sou.

Eu estou por aí
naquilo que penso                                                                                                                         
naquela que eu amo
naquele que perdoo
naquilo que peno
em tudo que escrevo.


… Não sei pegar a paleta

nem manejar o pincel.
Uso papel e caneta.
E com a tinta azul do meu tinteiro
poderia pintar o mundo inteiro.

Excerto de  Pinceladas em Ponto Final

  

… Abri a arca
no meio da serra
e sorri.

Que o tesouro escondido
na arca de marfim
não era
nem prata nem ouro
mas o sorriso maroto
do Nuno
sorrindo para mim. 

Excerto de  Achei o Tesouro em Arca da Aliança

 

Põe de lado
o bocado que resta
da tua tristeza.
Dá um murro na mesa.
Espreita a janela
e vê como é bela
a lua nascer…

Excerto de  Pombo Correio em Arca da Aliança

This entry was posted in Eu estou por aí. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>